Secretário de Estado norte-americano adia viagem a Pequim devido a balão chinês

Os Estados Unidos adiaram uma visita à China do seu chefe da diplomacia, Antony Blinken, devido à deteção de um balão chinês a sobrevoar locais sensíveis no país, noticiou hoje a agência norte-americana Associated Press (AP).

Blinken deveria visitar Pequim no domingo e na segunda-feira, e tinha na agenda um encontro com o Presidente chinês, Xi Jinping.

A China disse tratar-se de um balão de pesquisa meteorológica que se desviou da rota, mas os Estados Unidos tinham considerado que era um balão espião que estava a sobrevoar uma zona onde estão situadas instalações militares.

A AP, que cita um funcionário norte-americano, disse que o adiamento da viagem de Blinken se destina a dar tempo para a Administração do Presidente Joe Biden avaliar a resposta a dar a Pequim.

PNG // PDF

Lusa/Fim

(Visited 163 times, 1 visits today)

You might be interested in