Plano de reformas sociais de Biden aprovado na Câmara dos Representantes

O gigantesco plano de reformas sociais do Presidente norte-americano, Joe Biden, foi hoje aprovado pela Câmara dos Representantes, no que representou uma vitória fundamental antes da sua análise pelo Senado, que se prevê difícil.

O texto, designado “Build Back Better” (“Reconstruir Melhor”, em tradução livre), é um plano social e ambiental de 1.800 mil milhões de dólares (1.590 mil milhões de euros), que prevê nomeadamente infantário para todos, créditos fiscais para as famílias norte-americanas e investimentos substanciais para reduzir as emissões de gases com efeito-de-estufa.

Esta votação, na câmara baixa do Congresso dos Estados Unidos, ocorreu três dias após a assinatura pelo Presidente democrata da primeira parte do seu grande plano económico, a sua lei das infraestruturas, o maior programa de obras públicas no país desde que Dwight Eisenhower criou a rede de autoestradas interestaduais, em 1956.

Agora, a próxima etapa para o plano “Reconstruir Melhor” será o Senado, a câmara alta do parlamento norte-americano, onde a sua aprovação se anuncia difícil, antes de regressar à câmara baixa, provavelmente em dezembro ou janeiro.

ANC // PAL

Lusa/fim

(Visited 4 times, 1 visits today)

You might be interested in