Biden reclama ter apresentado um “plano histórico” para a economia dos EUA

O Presidente dos EUA, Joe Biden, disse hoje que conseguiu um “projeto económico histórico” com o seu plano de apoios sociais e ambientais, que hoje defendeu junto dos congressistas democratas.

Os comentários de Biden surgem depois de ter comparecido no Capitólio para defender junto do seu partido um pacote de apoio social no valor de 1,75 biliões de dólares (cerca de 1,5 biliões de euros), com forte impacto nas políticas sociais e ambientais, que a Casa Branca acredita que pode passar no Senado.

“Isto vai mudar para melhor a vida de milhões de pessoas”, disse Biden, acrescentando que se trata de uma conquista “histórica”.

“Preciso dos vossos votos”, disse Biden, que espera conseguir um apoio no Congresso, depois de ter sido obrigado a reduzir para quase metade – o projeto inicial custava cerca de 3,5 biliões de dólares (cerca de três biliões de euros) – o valor deste seu projeto político, para poder obter o apoio no Senado.

“Com este projeto, aliado ao plano de infraestruturas, aprovado por ambos os partidos, vamos realmente transformar o país”, concluiu o Presidente democrata dos Estados Unidos.

Na área social, o plano de Biden inclui jardins de infância gratuitos, programas de saúde de grande amplitude.

Na área ambiental, o projeto inclui uma verba de 555 mil milhões de dólares (cerca de 480 mil milhões de euros) para o combate às mudanças climáticas – uma das novidades que Biden quer levar para a cimeira do G20 em que vai participar – em Roma, no sábado e no domingo – e para o COP26 de Glasgow.

A receita para pagar este plano assenta na reversão de alguns dos cortes de impostos da era do ex-Presidente Donald Trump, determinados em 2017, bem como pela implementação de multas mais duras para quem infrinja as regras fiscais.

RJP // EL

Lusa/Fim

(Visited 33 times, 1 visits today)

You might be interested in